Wishes listLista de desejos

Quem me conhece sabe que eu estava esperando a “leva dos divorciados” para entao encontrar meu principe encantado de segunda-mao. Eh, porque eu sempre disse que nao tinha pressa para casar, que eu estava chegando aos trinta mas que esperaria paciente pela manada de divorciados que estava por vir, aqueles que se casaram aos 28 e nao superaram a crise dos 7 anos, vindo entao a se separar aos 35, o que seria a opcao ideal para qualquer mocinha de 29. Estes sim ja viriam com conhecimento de causa do que eh um casamento, saberiam como catar as meias usadas do chao e nao deixariam a toalha molhada na cama – afinal, alguem que chegou antes de mim ja teria feito todo este trabalho sujo de treinamento masculino. A unica coisa que esqueci de reforcar nas minhas aspiracoes foi que o principe poderia ser de segunda mao, mas sem surpresinhas. No meu caso, como sabem, o meu kinder-ovo veio com recheio e eu virei nao so esposa, mas step-mother. Por sorte, eu moro na Inglaterra e ser “step mom” eh um pouco melhor do que ser “madastra”, mas ainda assim tem suas dificuldades. Eu confesso que as vezes corto um prego pra dar conta do recado. A parte boa eh que meu anjo da guarda resolveu entao realizar um outro desejo da lista, dando-me a desculpa perfeita para visitar Paris a cada dois meses. Minha pequena, linda e levada enteada mora la Quem me conhece sabe que eu estava esperando a “leva dos divorciados” para entao encontrar meu principe encantado de segunda-mao. Eh, porque eu sempre disse que nao tinha pressa para casar, que eu estava chegando aos trinta mas que esperaria paciente pela manada de divorciados que estaria por vir, aqueles que se casaram aos 28 e nao superaram a crise dos 7 anos, vindo entao a se separar aos 35, o que seria a opcao ideal para qualquer mocinha de 29. Estes sim ja viriam com conhecimento de causa do que eh um casamento, saberiam como catar as meias usadas do chao e nao deixariam a toalha molhada na cama – afinal, alguem que chegou antes de mim ja teria feito todo este trabalho sujo de treinamento masculino. A unica coisa que esqueci de reforcar nas minhas aspiracoes foi que o principe poderia ser de segunda mao, mas sem maiores surpresinhas. No meu caso, como sabem, o meu kinder-ovo veio com recheio e eu virei nao so esposa, mas step-mother. Por sorte, eu moro na Inglaterra e ser “step mom” eh um pouco melhor do que ser “madastra”, mas ainda assim tem suas dificuldades e eu confesso que as vezes corto um prego pra dar conta do recado. Mas para compensar, meu anjo da guarda resolveu entao realizar um outro desejo da lista, dando-me a desculpa perfeita para visitar Paris quase todos os meses. Minha pequena, linda e levada enteada mora la :-D

Quem viver vera

Alguem ai ja viu enterro de anao? E cabeca de bacalhau? E filho de puta chamado Junior? E territorio britanico onde faz sol e calor, tem uma pedra identica ao pao-de-acucar, os ingleses dirigem no lado certo da rua e surpreendentemente falam uma segunda lingua?! Pois este ultimo eu vi, gente. O nome deste lugar eh estreito de Gibraltar. Geograficamente a cidade fica na Espanha, mas os britanicos realmente acreditam que aquilo ali eh mesmo territorio nacional. Para nao restar duvidas, eles plantaram cabines telefonicas vermelhas, onibus de 2 andares, lojas Marks&Spencer e, claro, a libra esterlina.

Mas eh obvio que eu nao iria sair da Inglaterra, voar quase 2mil km para passar ferias ainda na Inglaterra. Fomos apenas visitar esta cidade mais exotica do que japones loiro, que fica ha mais ou menos 1h30 de onde estavamos. Entao o nosso destino final mesmo foi Puerto Banus, uma cidadezinha suuuuper badalada, que faz parte de Marbella, regiao de Andaluzia na Costa del Sol da Espanha. O lugar indicado para quem quer se sentir muito, muuuito pobre. Eh, porque alem de todas as lojas famosas e drinks de 12€, o carro mais barato que voce ve na rua eh um Lamborghini ou uma Ferrari. Ja o nosso, que alugamos no aeroporto, nos costumavamos dizer que era o “carro do limpador do nosso yate”. Nos pegamos emprestado com ele para dar uma voltinha, enquanto ele limpava o barco pra gente.

E por falar em limpador de yate, o Tim disse que eh a profissao dos sonhos dele. Como todos os ingleses sao fominhas por sol, ele iria ficar so de sunga enquanto limpava o convez, tomando uma cerveja gelada (coisa rara na Inglaterra) e assistindo as pessoas la em baixo. Foi o que nos fizemos por 10 dias – com excecao de limpar o convez.

Veja tooooodas as fotos aqui!!!! Eh so clicar :)